Autoridades locais acreditam que preto e dourado são referência ao patrocínio de uma marca de cigarro

A Lotus Renault foi autorizada a correr com suas cores normais no Grande Prêmio do Canadá, que será disputado no próximo dia 12 . Autoridades locais chegaram a dizer que o carro fazia apologia ao fumo, já que copiava o bólido da Lotus das décadas de 1970 e 1980, patrocinada pela marca de cigarros John Player Specials.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“As autoridades de Québec aceitaram o fato de que a Lotus Renault não recebe dinheiro, direta ou indiretamente, da indústria em questão. Estamos completamente cientes das restrições impostas pela lei em Québec”, disse Eric Boullier, chefe de equipe.

O dirigente deixou aberta a possibilidade de a equipe viajar para o Canadá com cores diferentes na temporada 2012 .

“A equipe concordou com as autoridades de Québec em agir de maneira mais clara para concordar com a legislação local em 2012”, completou Boullier.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.