Martin Whitmarsh, chefe da equipe, pretende que piloto escolha melhor a hora de tentar ultrapassar

Logo nos primeiros metros do Grande Prêmio da Turquia , Lewis Hamilton errou ao tentar ultrapassar Mark Webber, então terceiro na prova, e caiu para a sexta colocação. O britânico passou a disputar posição com Jenson Button, seu companheiro de equipe, o que desgastou muito seus pneus. Por isso, Martin Whitmarsh, chefe da escuderia britânica, pediu maior sabedoria de seu piloto neste tipo de situação.

Siga o iG Automobilismo no Twitter .

“Queremos que Lewis ataque, mas às vezes não vale à pena. Se você olhar para o ritmo de corrida de Lewis, estava tudo bem, mas os pneus são tão frágeis que se você brigar com outros pilotos, inclusive seu companheiro de equipe, seus pneus sofrerão danos. Em uma corrida tão exigente, você não pode fazer isso”, disse Whitmarsh.

O próprio Hamilton admitiu que seu começo de prova estabanado comprometeu o restante da sua corrida .

“Se eu não tivesse danificado os pneus no começo, teria chegado bem mais perto dos líderes. O começo foi um desastre, então fui limitado cedo pelos danos nos pneus. A corrida não é vencida nas duas primeiras curvas. Eu fui impaciente e por culpa minha, mas me recuperei bem”, opinou o britânico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.