Espanhol pegou carona com o australiano, atitude igual à que o brasileiro tomou em 1991

Neste domingo (24), após o Grande Prêmio da Alemanha , Fernando Alonso, que chegou em segundo na prova, viu sua Ferrari ficar sem combustível. Para chegar rapidamente na cerimônia do pódio, o espanhol pegou uma carona na Red Bull de Mark Webber, terceiro colocado. Os pilotos repetiram a histórica imagem de Ayrton Senna e Nigel Mansell – no Grande Prêmio da Grã-Bretanha 1991, o brasileiro subiu na Williams do britânico após sofrer pane seca . Veja a seguir as duas imagens, separadas por 20 anos.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Neste domingo, também por pane seca, Alonso repetiu a atitude do brasileiro ao pegar carona na Red Bull de Webber
Getty Images
Neste domingo, também por pane seca, Alonso repetiu a atitude do brasileiro ao pegar carona na Red Bull de Webber

Neste domingo, também por pane seca, Alonso repetiu a atitude do brasileiro ao pegar carona na Red Bull de Webber
Getty Images
Neste domingo, também por pane seca, Alonso repetiu a atitude do brasileiro ao pegar carona na Red Bull de Webber

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.