Tamanho do texto

Piloto espanhol indicou seu colega de Toro Rosso como responsável pela colisão que comprometeu o piloto da Renault

AP
Sebastien Buemi durante o Grande Prêmio da Austrália de 2011. Piloto foi "dedurado" pelo colega Jaime Alguersuari
Jaime Alguersuari, piloto espanhol da equipe Toro Rosso, julgou que seu companheiro de escuderia, Sebastién Buemi, foi culpado na colisão com a Renault de Nick Heidfeld. O acidente não foi captado pelas câmeras da transmissão oficial do GP da Austrália, mas notou-se que o carro do alemão foi claramente prejudicado no lado direito.

Em entrevista concedida à revista alemã “Auto Motor und Sport”, Alguersuari isentou-se de culpa pelo acidente e passou a responsabilidade para o suíço Buemi. “Choquei-me com o Schumacher, mas não sou responsável pelo acidente com o Heidfeld. Eu estava bem atrás e vi o que aconteceu. Buemi estava batalhando com uma Renault e eles bateram na curva 11”.

À mesma revista, Heidfeld declarou que “certamente teria somado pontos, mas um Toro Rosso atingiu-me e isso fez com que eu perdesse 1,5 segundo em todas as voltas”, queixou-se. Buemi não mencionou o ocorrido, que será julgado pelos fiscais do GP de Melbourne.

O desempenho de Alguersuari e Buemi nesta temporada pode valer a permanência de um dos dois na Formula 1. Existe a sombra do piloto de teste australiano Daniel Ricciardo, que tem chances de ocupar uma vaga como piloto principal ainda nesta temporada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.