Tetracampeão mundial afirmou que se sentiria frustrado se competisse nesta temporada

Alain Prost criticou a atual geração de pilotos da Fórmula 1 . De acordo com o tetracampeão mundial, os competidores que guiam nesta temporada dirigem de maneira inconsequente.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Eu imagino se os pilotos têm ou não senso de risco. Na Bélgica e na Itália , eles pareceram assumir riscos nos lugares mais estranhos. Como quando Mark Webber passou Fernando Alonso em Spa-Francorchamps , e a mesma coisa com a ultrapassagem de Vettel em Monza , com duas rodas na grama. Você pode escapar nove vezes de coisas como essas, mas na décima... Eu gostaria de vê-los dirigindo meu carro de 1983, só para eles perceberem o que estão fazendo”, disse Prost, em entrevista ao jornal francês L’Equipe .

O ex-piloto diz que seria frustrado se competisse entre a atual geração da categoria.

“O piloto sempre foi importante, mas não é a mesma coisa agora. Você pode ver as diferenças entre os companheiros de equipe. Algumas vezes é de um décimo, enquanto no passado podia ser de um segundo ou dois”, declarou Prost.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.