Tamanho do texto

Toto Wolff diz ainda que Jules Bianchi é outro piloto que está nos planos da escuderia

Campeão do Mundial de Fórmula 1 de 2007 pela Ferrari, Kimi Raikkonen deixou a categoria em 2009 e pode retornar na próxima temporada. Toto Wolff, acionista da Williams, admitiu que o piloto finlandês é uma das possibilidades consideradas pela equipe .

Leia também: Luiz Razia é confirmado nos testes para jovens da Team Lotus

"Sim, é verdade", afirmou o dirigente em entrevista ao jornal Kronen Zeitung , confirmado a negociação. "A ficha do Kimi Raikkonen está na nossa mesa. Estamos negociando seriamente, mas essa é apenas uma das várias alternativas. A decisão será estratégica", afirmou.

Atualmente, a Williams protagoniza uma temporada pífia com os pilotos Rubens Barrichello e o venezuelano Pastor Maldonado. Com a possível chegada de Raikkonen à equipe, o brasileiro, piloto com mais largadas na história da Fórmula 1 , deve deixar a escuderia.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

De acordo com Toto Wolff, outra possibilidade para a Williams, além de Kimi Raikkonen, é acertar com o francês Jules Bianchi, atual piloto reserva na Ferrari. O acionista da Williams ainda citou o finlandês Valtteri Bottas, campeão da GP3 e integrante da própria equipe britânica, como jovem promissor.