Ross Brawn afirma que alegria da Red Bull por tricampeonato vai durar pouco

Chefe da Mercedes diz que o temor do fracasso no próximo ano não deixa tempo suficiente para comemorar as conquistas na Fórmula 1

iG São Paulo | - Atualizada às

Acostumado a trabalhar com equipes e pilotos que foram dominantes na Fórmula 1, Ross Brawn entende bem o momento que vive a Red Bull com Sebastian Vettel. Atualmente chefe da Mercedes, Brawn participou de todos os sete títulos de Michael Schumacher na categoria, na Ferrari e na Benetton, e de Jenson Button em sua própria equipe em 2009.

Leia também: Mesmo com reação, Massa teve pior resultado no duelo das equipes

Para Brawn, a Red Bull não deve comemorar por tanto tempo o tricampeonato de equipes e pilotos. “Ganhar uma corrida é um desafio enorme. Vencer o necessário para conquistar um título é muito especial, e fazer isso por anos consecutivos é ainda mais especial. Mas eu sei que a alegria será curta, já que eles já estão pensando no próximo ano”, comentou.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

O chefe da Mercedes afirmou que o medo de ser superado na próxima temporada tira parte da comemoração. “É tudo tão intenso na Fórmula 1 que raramente você senta e tem a sensação do trabalho bem feito. Há um sentimento de alegria e realização, mas um medo do fracasso no ano seguinte. Há essa mistura de emoções”.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Brawn, porém, afirma que a Red Bull deve estar orgulhosa de ter conquistado tudo nos últimos anos. “É muito especial vencer qualquer campeonato e obter títulos seguidos. É uma grande conquista, e isso deve ser motivo de orgulho”, concluiu.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: Fórmula 1F1Ross BrawnMercedesRed BullSebastian Vettel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG