Brasileiro não conseguiu passar para o Q3, mas afirma que equipe está preparada para ir bem no GP do Brasil com ou sem chuva

Bruno Senna, que não conseguiu tempo necessário para passar para a terceira sessão do classificatório que aconteceu neste sábado (24), no Autódromo de Interlagos, largará apenas da 11ª colocação do grid no GP do Brasil, depois de ganhar uma posição de Pastor Maldonado, que foi punido por não pesar seu carro ao fim do treino.

Leia também:  Hamilton ofusca candidatos ao título e crava pole em Interlagos

O piloto da Williams, porém, mostrou otimismo e disse que poderá pontuar na prova. "Abriu um solzão e a pista esquentou um pouco. A gente estava muito duro na traseira e não deu para fazer as voltas direitinho, mas estamos perto dos primeiros e dá para marcar pontos amanhã”.

Siga o iG Automobilismo no Twiiter

O brasileiro terminou dizendo que os acertos em seu carro o prejudicaram, mas que confia num bom desempenho para brigar na corrida. "Pela manhã, com mais combustível, fiz um tempo melhor do que esse. Então, com certeza tem mais potencial no carro. Foi realmente um acerto errado para a condição e acabou que ficou por isso mesmo. Estaremos competitivos no seco ou no molhado", finalizou. O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 acontece neste domingo (25), às 14h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.