Buscando o título, Fernando Alonso luta contra tabu no GP do Brasil

Espanhol nunca venceu em Interlagos, resultado que poderia lhe deixar mais próximo do título neste domingo

iG São Paulo - Maurício Targino | - Atualizada às

Vencer dois campeonatos de Fórmula 1 seguidos na mesma pista poderia fazer do autódromo de Interlagos um local mítico para Fernando Alonso, campeão em São Paulo em 2005 e 2006. No entanto, uma curiosa escrita acompanha a carreira do vice-líder da temporada.

Leia também:  Button lidera último treino livre em Interlagos, com Vettel em segundo

Desde 2001, ano em que estreou na categoria, Alonso nunca esteve no alto do pódio no Brasil. A estreia no circuito de Interlagos durou 25 voltas, até que uma pane elétrica tirou sua Minardi da corrida.

No ano seguinte, Alonso passou a ser piloto de testes da Renault e não chegou a disputar corridas. Em 2003, substituiu Jenson Button no time e chegou em terceiro no GP do Brasil. No entanto, não chegou a cruzar a linha de chegada: um forte acidente na última volta destruiu seu carro e quase lhe tirou a vida.

Depois de um quarto lugar em 2004, o espanhol viveu o ápice de sua carreira ao conquistar o bicampeonato da categoria nos dois anos seguintes. E a coroação foi justamente em Interlagos, onde assegurou os títulos chegando ao pódio em terceiro lugar em 2005 e em segundo em 2006.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

A partir de 2007, as lembranças do circuito paulista começaram a ficar mais amargas para Alonso. Ao volante da McLaren, ele chegou em terceiro lugar e viu Kimi Raikkonen vencer a prova e levar o campeonato por um ponto de diferença, evitando seu tricampeonato.

De volta à Renault em 2008, chegou ao GP do Brasil sem chances de título e mais uma vez ficou em segundo. No ano seguinte, mal largou e abandonou a prova após pegar a "rebarba" da batida entre Adrian Sutil e Jarno Trulli.

Respirando novos ares na Ferrari em 2010, Alonso chegou ao GP do Brasil, penúltima prova da temporada, na liderança do campeonato. O terceiro lugar manteve o espanhol na ponta do mundial de pilotos, à frente das Red Bulls de Mark Webber e Sebastian Vettel. Na corrida seguinte, em Abu Dhabi, o alemão venceu e roubou um campeonato que era dado como certo para Alonso.

Getty Images
Alonso sagrou-se bi campeão no circuito de Interlagos em 2006


Deixe seu recado e comente esta notícia com outros leitores

No ano passado, Interlagos voltou a encerrar a temporada, que já tinha Vettel campeão entre os pilotos. Alonso completou o pódio que teve dobradinha da Red Bull, que já havia garantido o mundial de construtores .

Neste domingo, o tabu de nunca ter vencido o GP do Brasil separa Alonso do tricampeonato. Uma vitória é importante para ele lutar pelo título . Porém, mesmo que a sina acabe, o espanhol ainda precisa que Vettel termine no máximo em quinto lugar. Um segundo ou um terceiro lugar em Interlagos também podem valer o campeonato para o espanhol, mas, para isso, precisaria que algo acontecesse para Vettel pontuar o mínimo possível. O cenário não é dos melhores para o piloto da Ferrari, que larga em sétimo, três posições atrás de seu rival. A corrida em Interlagos acontece neste domingo (25), às 14h, com cobertura em tempo real pelo iG. 

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: Fernando AlonsoFerrariRenaultFórmula 1F1BrasilInterlagos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG