Kovalainen diz que não tem plano B caso saia da Caterham em 2013

Finlandês afirma que, apesar de boa relação com chefe da equipe, a falta de patrocinadores pode atrapalhar sua permanência

iG São Paulo | - Atualizada às

Heikki Kovalainen ainda não tem sua vaga confirmada na Caterham e espera a decisão do chefe do time, Tony Fernandes, para saber o que fará na temporada 2013.

Leia também: Nico Hulkenberg é anunciado na Sauber para 2013

O finlandês, que corre na escuderia desde 2010, reconhece que não tem patrocinadores, e que, por isso, apesar de sua boa relação com o chefe, sua situação para o próximo ano ainda é instável.

Deixe seu recado e comente esta notícia com outros leitores 

“Estou esperando o que Tony [Fernandes] quer fazer. Ele tem opções diferentes e tem que decidir qual rota quer pegar com os pilotos. O fato é que eu não trago dinheiro e sou pago. Se isso será ou não o fato decisivo eu não sei. Nós ainda temos um bom relacionamento. Mas, ao mesmo tempo, tenho que manter meus olhos abertos caso ele decida tomar outro caminho”, disse para a publicação inglesa Autosport .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Quando questionado se havia outra opção caso não permanecesse em sua atual equipe, o piloto afirmou que não. Porém, disse que  o momento agora é de dar o seu melhor. “O principal agora é focar, dirigir o mais rápido que puder e conseguir ajudar a equipe”, terminou ele.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: Heikki KovalainenTony FernandesCaterhamFórmula 1F1

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG