Piloto de 41 anos, atualmente correndo na categoria de turismo alemão, entrou no lugar de Ayrton Senna na Williams em 1994 e fez 246 GPs na Fórmula 1

David Coulthard vai se aposentar do automobilismo depois da etapa deste fim de semana da DTM, a última da temporada 2012, no circuito de Hockenheim, na Alemanha. O escocês de 41 anos de idade, que participou de 13 temporadas na Fórmula 1 , compete na DTM, categoria de turismo alemão, desde 2010. Na F1, o piloto correu pela Williams, McLaren e Red Bull e se aposentou em 2008.

Leia também: Massa aceitou redução salarial de R$ 10 mi para renovar com Ferrari, diz jornal

"Este fim de semana vai ser a minha última corrida profissional", disse Coulthard. "Agora vou me concentrar em outros negócios e, claro, passar mais tempo com minha família. Quero agradecer a Norbert Haug e a Mercedes por permitirem que eu corresse na DTM”.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Coulthard fez sua estreia no automobilismo em 1989 na Fórmula Ford 1600 . Vencer o título da F3, incluindo o tradicional GP de Macau, pavimentou o caminho para se tornar piloto de testes da equipe Williams. A morte de Ayrton Senna em Ímola em 1994 deu a Coulthard a chance de fazer seu primeiro GP na categoria. Na temporada seguinte, em Portugal, o piloto venceu sua primeira corrida. Em 1996, com a chegada de Jacques Villeneuve à F1, o piloto se transferiu para a McLaren. Na equipe de Ron Dennis venceu 12 GPs e foi vice-campeão em 2001.

Siga iG Automobilismo no Twitter

Em 2005, foi para a então novata Red Bull, equipe na qual fez 4 temporadas até se aposentar da categoria, somando 246 corridas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.