Diretor da Williams afirma estar decepcionado com atual dupla de pilotos

Em Silverstone, Toto Wolff disse que Pastor Maldonado e Bruno Senna não estão confirmados para 2013 e que há muitas opções no mercado

iG São Paulo | - Atualizada às

Bruno Senna e Pastor Maldonado estão garantidos na Williams até o fim de 2012. Mas depois disso, ninguém sabe. A dupla ainda não foi confirmada para a próxima temporada e a Williams pode até contar com uma dupla nova de pilotos em 2013. Toto Wolff, diretor-executivo da Williams admitiu nesta quarta-feira (17) que há muitas opções no mercado, mas afirma que o foco da equipe ainda está em 2012 e qualquer anúncio sobre os pilotos do time será feito apenas no final da temporada.

Leia também: Em evento da Williams, Bruno Senna pilota carro que foi de Rosberg em 1982

Wolff admitiu que a Williams cogita algumas possibilidades para formar a dupla da próxima temporada. “O anúncio dos pilotos de 2013 vai ser neste ano, depois do fim do campeonato. Mas agora nos concentramos nesta temporada e focamos nos pilotos atuais. Porém, há muitas opções boas para 2013, que estamos observando,” disse ao ESPNF1 . “É uma decisão muito difícil. Trabalhamos com esses pilotos há algum tempo e, claro, isso influencia muito na decisão".

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Pastor Maldonado, que venceu o GP da Espanha neste ano, mas que é irregular e vive envolvido em acidentes, é patrocinado pela petrolífera PDVSA e tem boas chances de ficar na Williams em 2013. Bruno Senna, entretanto, não tem tantas chances, principalmente porque o finlandês Valtteri Bottas está muito cotado para assumir sua vaga.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O dirigente, diante dos resultados abaixo do esperado de sua dupla, que somou apenas cinco pontos desde as férias de agosto da categoria, não deixou de mostrar sua insatisfação com Maldonado e Senna. “Estamos muito desapontados, mas sabemos as razões. Nosso carro também tem parcela na culpa pelos resultados ruins. É inacreditável que o carro de uma equipe esteja tão bom e outro nem tanto. Não fomos tão bem na Coreia, e poderíamos ter sido melhores em Cingapura, por exemplo. Agora é focar no fim do ano”, finalizou.

Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: Toto WolffBruno SennaPastor Maldonado

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG