Quarto no GP da Coreia do Sul, Massa afirma que poderia chegar em Webber

Piloto, que foi impedido pela equipe de ultrapassar Alonso, acredita que poderia brigar pela segunda posição

iG São Paulo |

O brasileiro Felipe Massa foi um dos destaques do Grande Prêmio da Coreia do Sul de Fórmula 1 , disputado na madrugada deste domingo (14). Na quarta colocação, o piloto comemorou seu desempenho na prova, mas disse que era possível alcançar o australiano Mark Webber, segundo colocado, se não tivesse diminuído o ritmo a pedido da Ferrari para não ameaçar seu companheiro de equipe, Fernando Alonso, dono do terceiro posto. 

Leia também: Vettel ultrapassa Webber na largada e vence GP da Coreia

Mesmo sem ser atacado por Massa, que passou o trecho final da corrida contendo seu ritmo, Alonso perdeu a ponta do Mundial de F1 . O novo líder da temporada é o alemão Sebastian Vettel, que venceu sua terceira corrida consecutiva e assumiu a primeira colocação da tabela, seis pontos à frente do espanhol.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

"A corrida foi muito boa, o carro estava perfeito, estava muito feliz e consegui ultrapassar carros importantes no começo, o que deu a possibilidade de ter um bom ritmo do começo ao fim da corrida", disse Massa. "Estou muito feliz porque saí do carro sabendo que consegui tirar tudo dele e que cada ponto hoje é importante para a Ferrari e para o Alonso disputar o campeonato", afirmou Massa, que soma agora 81 pontos e é o nono na classificação.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Apesar da felicidade pelo ritmo apresentado durante toda a corrida, o piloto da Ferrari acha que era possível brigar pela segunda colocação se não tivesse tirado o pé para beneficiar Alonso. Massa encerrou a prova 11s0 atrás de Webber.

Leia também: Com vitória na Coreia, Vettel supera Alonso e assume liderança do Mundial

"Acho que era possível chegar no Webber, eu não estava atrás dele sozinho, tentando atacar. Mas o ritmo era bom para isso", concluiu o brasileiro, que deu mais um importante passo para renovar seu contrato com a Ferrari. Na última semana, ele quebrou um jejum de quase dois anos sem subir ao pódio e foi o segundo colocado do GP do Japão.

A temporada 2012 da Fórmula 1 terá apenas mais quatro etapas até o fim do ano. A próxima será na Índia, no dia 28 de outubro.

Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: fórmula 1felipe massacoreia do sulmark webber

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG