Piloto da McLaren atende telefonemas para ajudar fundo de caridade de empresa britânica que perdeu funcionários no atentado

Nesta terça-feira (11), o atentado de 11 de setembro ao World Trade Center, em Nova York, completa 11 anos . Em homenagem às vítimas, Lewis Hamilton, piloto da McLaren na Fórmula 1 , atendeu telefonemas de doadores para o fundo de caridade da empresa britânica BGC Partners, que perdeu 658 funcionários nos ataques.

Leia também: F1, Indy e grave acidente. Veja trajetória de Zanardi até os ouros paralímpicos

Entre outras celebridades, Hamilton foi um dos destaques do Dia da Caridade que foi realizado na sede da empresa, em Londres. O britânico está em ótima fase no Mundial de Fórmula 1 após vencer o GP da Itália no último domingo (9) e assumir a vice-liderança do campeonato .

Lewis Hamilton participa de campanha em Londres em homenagem às vítimas do 11 de setembro
Reuters
Lewis Hamilton participa de campanha em Londres em homenagem às vítimas do 11 de setembro


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.