Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google

Em 10º na Itália, Bruno Senna diz que teve sorte com abandonos à sua frente

Piloto brasileiro estava atrás de Vettel e Webber quando os dois saíram da prova, e ainda passou Ricciardo, que teve problemas na última volta

iG São Paulo |

Bruno Senna teve uma corrida bastante movimentada até completar o GP da Itália na 10ª posição neste domingo (9). Seu principal momento foi exatamente nas voltas finais da corrida em Monza. O brasileiro viu Sebastian Vettel e Mark Webber abandonarem a corrida e começou a última volta na 11ª posição.

Leia também: Massa celebra resultado positivo para a Ferrari

Porém, Senna ainda contou novamente com a sorte no último giro. Daniel Ricciardo vinha em 10º, mas teve problemas na alimentação de combustível de sua Toro Rosso e foi ultrapassado pelo brasileiro. "Foi um grande esforço da equipe e demos um pouco de sorte com o abandono de alguns carros", comentou Senna após a prova.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

No início da corrida, Senna se destacou pelas disputas por posições com Nico Rosberg e Paul di Resta e acabou saindo da pista por alguns momentos. "O ritmo estava bom, mas essas disputas danificaram os pneus e precisei antecipar a troca. Não foi fácil fazer a estratégia de uma única parada funcionar", explicou. "De qualquer forma, nossa meta é pontuar em todas as etapas e voltamos a alcançá-la aqui", concluiu o piloto.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Com o ponto conquistado, Senna passou aos 25 e manteve a 16ª posição no Mundial de Pilotos. O brasileiro ainda está atrás de Pastor Maldonado, seu companheiro de Williams, que não pontuou em Monza, mas mantém 29 pontos conquistados.


Leia tudo sobre: Fórmula 1F1GP da ItáliaBruno SennaWilliams

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG