Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google

Bruno Senna diz que ausência no primeiro treino em Monza atrapalhou desempenho

Brasileiro, 17º na segunda sessão, afirma que acerto do carro ainda precisa ser trabalhado para melhorar resultado

iG São Paulo | - Atualizada às

Mais uma vez nesta temporada, Bruno Senna não realizou o primeiro treino livre do fim de semana da Fórmula 1. Assim como já fez em diversas oportunidades, o brasileiro cedeu seu carro para Valtteri Bottas, reserva da Williams, e lamentou por ter perdido a primeira atividade justamente em Monza.

Leia também: Hamilton lidera dobradinha da McLaren na Itália

“Perder a manhã foi um problema hoje. Aqui, a diferença está nos pequenos detalhes e perder a evolução do acerto do carro hoje pela manhã foi difícil, então, temos que correr atrás do prejuízo. A sessão da tarde foi difícil, tivemos um probleminha técnico ou outro, mas vamos ver o que conseguimos fazer”, disse o piloto, que fez o 17º tempo no segundo treino .

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Senna ainda destacou que Pastor Maldonado, seu companheiro, também não teve um tempo bom, terminando em 14º. “O tempo do Pastor também não está uma maravilha. Vamos ver o que conseguimos fazer. A simulação de corrida estava melhor do que a de classificação. Vamos ver agora como podemos fazer o comprometimento entre os dois”, concluiu.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O terceiro treino livre da F1 em Monza será no sábado (8), às 6 horas. Pouco depois, os pilotos vão à pista para o classificatório, que será às 9 horas. O GP da Itália será no domingo (9), também às 9 horas.


Leia tudo sobre: Fórmula 1F1Bruno SennaWilliams

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG