Tamanho do texto

Chefe da categoria diz que circuito de Valência não receberá corrida no próximo ano e deve ser substituído por Nova Jersey. GP da Alemanha deve ser em Hockenheim novamente

Durante as atividades do terceiro treino livre da Fórmula 1 na Hungria deste sábado (28), Bernie Ecclestone confirmou em entrevista que o calendário de 2013 da categoria vai continuar com 20 corridas durante a temporada, contrariando as expectativas de que o número de provas poderia aumentar.

Leia também: Webber lidera último treino livre na Hungria

De acordo com o chefe da categoria, Valência não vai aparecer no calendário na próxima temporada. A cidade espanhola recebeu o GP da Europa nos últimos anos, mas passa por crise econômica e tinha dificuldades para se manter anualmente na categoria. Com isso, a Espanha receberá a F1 apenas em Barcelona.

A categoria deve passar duas vezes pelos Estados Unidos. O país, que já conta com o circuito de Austin no calendário de 2012, deve receber também uma prova de rua em Nova Jersey já no ano que vem. “É o que deve acontecer”, afirmou Ecclestone.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

O chefe da categoria também negou que vá comprar o circuito de Nurburgring, que pediu falência recentemente . “Vamos tentar salvá-lo, mas não acho que esteja a venda”, comentou. “Estamos conversando com eles (do circuito), então vamos ver. Precisamos manter a corrida alemã, então temos de fazer o melhor que podemos”.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O circuito de Nurburgring recebe o GP da Alemanha em revezamento com Hockenheim e deveria ser a sede em 2013. Perguntado se os problemas econômicos impossibilitarem a prova em Nurburgring, Ecclestone diz que o GP da Alemanha acontecerá mesmo assim. “Estaremos em Hockenheim”, concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.