Brasileiro acredita que poderia lutar na parte de cima do grid caso não houvesse se chocado com Lotus de Romain Grosjean

O GP da Alemanha , disputado neste domingo (22), não foi nada bom para os brasileiros da categoria. Felipe Massa, da Ferrari, foi o 12º e Bruno Senna, apenas o 17º. O brasileiro da equipe Williams teve a corrida totalmente prejudicada após se chocar com Romain Grosjean, da Lotus, logo na primeira volta da prova em Hockeinheim. Com o incidente, Bruno precisou ir aos boxes, onde perdeu tempo precioso e acabou com suas chances de alcançar um bom resultado.

Leia também:  Com vitória em Hockenheim, Alonso dispara na liderança da Fórmula 1

"Eu tinha um ritmo forte no classficatório e consegui mantê-lo na corrida. Conseguiria um resultado bom sem o incidente. É decepcionante saber que poderia fazer mais, mas não foi possível. Foi uma pena porque eu perdi quase um minuto no pit, após o choque. Fui parar lá atrás no grid",  lamentou.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

" Agora é esperar pela Hungria (a próxima etapa do Mundial) e fazer uma boa corrida para poder me recuperar", disse o brasileiro. Após dez corridas disputadas em 2012, Bruno Senna soma 18 pontos e é o 16º colocado na classificação geral do campeonato . O GP da Hungria acontece no próximo domingo (29). 

    Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.