Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Com quarto lugar em Silverstone, Massa tem seu melhor resultado desde 2010

Brasileiro havia conseguido um terceiro lugar na Coreia em outubro daquele ano. Agora, mostra reação durante o campeonato e volta a brigar pelas primeiras posições

iG São Paulo | - Atualizada às

Depois de um início de ano complicado e de resultados ruins, Felipe Massa parece estar se recuperando bem na temporada 2012 da Fórmula 1. No GP da Grã-Bretanha deste domingo (8), por exemplo, o brasileiro da Ferrari alcançou seu melhor resultado no ano ao terminar em quarto.

Leia também: Webber passa Alonso no fim e vence em Silverstone

A colocação final de Massa foi a melhor também nas últimas 30 provas: em outubro de 2010, na Coreia, o piloto havia terminado em terceiro. Dali em diante, não tinha conseguido alcançar nem o quarto lugar nas temporadas 2011 e 2012.

Depois de terminar sem pontuar nas três primeiras provas deste ano, a pressão sobre o brasileiro da Ferrari era enorme. Nas últimas seis provas, porém, Massa conseguiu pontuar em quatro delas: no Bahrein, em Mônaco, no Canadá e agora na Inglaterra.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Além de ter sido o melhor resultado, a prova de Silverstone mostrou também que Massa voltou a ser competitivo na pista. Depois de largar em quinto, passou Sebastian Vettel no início e só perdeu a posição nos boxes. Mesmo assim, fez uma bela ultrapassagem sobre Michael Schumacher e ainda defendeu bem seu quarto lugar contra Kimi Raikkonen ao final da corrida.

Apesar de ter terminado em todos os classificatórios e corridas atrás de Fernando Alonso, seu companheiro de Ferrari, Massa já começa a ajudar a equipe também no Mundial de Construtores. Após a prova deste domingo, a Ferrari já é a segunda no campeonato.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O brasileiro, que vê Alonso no topo da disputa por pilotos, ocupa agora a 13ª posição, com 23 pontos. Se ainda é pouco para o campeonato, já pode representar bastante em um ano decisivo. Em fim de contrato com a Ferrari, atuações como essa podem influenciar em uma possível renovação de contrato com a escuderia italiana.


Leia tudo sobre: Fórmula 1F1GP da Grã-BretanhaFelipe MassaFerrari

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG