Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Mercedes projeta mais pódios para Schumacher neste ano

Para Norbert Haug, se equipe realizar melhoras no carro, heptacampeão poderá repetir resultado obtido em Valência

Gazeta | - Atualizada às

Foto: EFE
Em Valência, Schumacher subiu ao pódio pela primeira vez desde seu retorno à F1

O terceiro lugar de Michael Schumacher no último Grande Prêmio da Europa, em Valência, na Espanha, deu mais confiança aos membros da Mercedes. Norbert Haug, diretor de competições, foi um dos que aumentou as esperanças na escuderia depois da conquista e elogiou a atuação do alemão.

Leia também: Confira como foi a vitória de Alonso no GP da Europa em dez passos

Haug apostou que o heptacampeão subirá no pódio mais vezes nesta temporada, mas para isso precisa de um bom desempenho do W03. "Foi importante e com certeza teremos mais pódios como esse na temporada, quando dermos a ele um bom carro em termos de confiabilidade e velocidade", declarou ao site britânico Autosport.

Para o diretor, os problemas com o carro ainda são um empecilho que impedem performances melhores de Schumacher. "A falta de resultados dele nesta temporada também se deve ao carro, e é justo dizer que ele poderia ter mais de 60 ou 70 pontos, não fossem todos os problemas técnicos", justificou.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

"Ainda estamos aprendendo neste terceiro ano, mas considerando que não temos o mesmo orçamento dos nossos rivais, acredito que estamos na direção certa com o nosso trabalho", acrescentou.

O piloto alemão enfrentou problemas mecânicos com o carro nos circuitos da Austrália, da China, de Mônaco e do Canadá. Em todas essas ocasiões, Schumacher foi obrigado a abandonar a corrida. Apesar de reconhecer que o desempenho do veterano depende do carro, Haug evitou falar sobre uma possível renovação de contrato. "É uma história separada e vamos conversar com ele mais para frente".

Siga o iG Automobilismo no Twitter

A conquista em Valência foi o primeiro pódio do alemão desde 2006. "Michael é um grande esportista, e isso tem ficado cada vez mais claro nesta segunda fase de sua carreira. Ele é um cara muito equilibrado e aberto a críticas. Poderia ter nos criticado muito, mas não o fez. Ele estava realmente feliz em Valência e até poderia dizer: 'Eu já ganhei 91 corridas, por que deveria estar satisfeito?' Mas ele estava realmente feliz", finalizou.

Leia tudo sobre: Fórmula 1F1MercedesMichael Schumacher

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG