Cotado para conquistar a pole em casa, piloto alemão ficou de fora do Q3 e decepcionou a torcida que compareceu ao treino deste sábado

Nico Rosberg ficou de fora do Q3 e larga em 11º
AP
Nico Rosberg ficou de fora do Q3 e larga em 11º

O alemão Nico Rosberg estava cotado para brigar pela pole position do Grande Prêmio da Alemanha de Fórmula 1, neste sábado, mas acabou eliminado ainda no Q2 e largará na 11ª colocação. Segundo o piloto, a equipe Mercedes não apostou que as condições de pista fossem melhorar tanto na parte final da atividade, o que permitiu aos outros competidores melhorarem seus tempos e jogarem o local para fora da lista de classificados ao Q3.

Leia mais: Hamilton bate Vettel no fim e fica com a pole na Alemanha. Massa larga em 7º

Rosberg ficou com a 11ª colocação da segunda parte do treino classificatório em Nurburgring com a marca de 1min30s326. O britânico Jenson Button, último piloto a avançar ao Q3, classificou com o tempo de 1min30s269.

"Foi um grande choque. Eu não vi isso vindo, o time não esperava que a pista fosse melhorar tanto assim. Não posso acreditar que estou aqui agora, pensei que estaria fácil na primeira fila hoje", disse Rosberg. "Não foi excesso de confiança, apenas erramos o julgamento", completou.

Apesar da decepção com o resultado do piloto alemão, que foi segundo colocado em todos os treinos livres em Nurburgring, a Mercedes pôde comemorar a pole position de Lewis Hamilton. No Q3, o piloto britânico da escuderia alemã superou o favoritismo de Sebastian Vettel e garantiu a primeira posição do grid com 1min29s398.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.