Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

ASA-AL vira sobre Criciúma e interrompe jejum na Série B

Após um segundo tempo arrasador, o ASA-AL virou sobre o Criciúma por 3 a 1

Gazeta |

Após um segundo tempo arrasador, o ASA-AL virou, nesta sexta-feira, sobre o Criciúma por 3 a 1. Com a vitória, os alagoanos findaram o jejum de cinco partidas sem festejar na Série B do Campeonato Brasileiro.

Confira a classificação completa e todas as informações da Série B

Agora com 32 pontos, o Alvinegro - que, de quebra, voltou a confirmar o status de anfitrião algoz - se distanciou ainda mais da zona de rebaixamento. Já o Criciúma, que havia começado a flertar com o G-4, estacionou nos 34 pontos.

O próximo compromisso do ASA será no próximo sábado (dia 24) contra o Grêmio-SP, em São Paulo. Um dia antes, o Tigre de Santa Catarina buscará, em casa, a reabilitação diante do Boa Esporte.

O jogo - Há cinco rodadas sem vencer na Segundona, o ASA-AL iniciou o duelo desta sexta-feira pressionando o rival catarinense. Com o gramado molhado, a equipe alagoana criou a primeira chance aguda na marca dos 26 minutos. Raul cobrou falta na entrada com área com força e o goleiro Andrey espalmou. Antes da jogada, os mandantes haviam chegado com perigo, sobretudo por jogadas pelos lados de campo. Mas, mesmo com uma postura mais ofensiva, não foi o ASA quem inaugurou o placar.

Aos 36 minutos, o lateral esquerdo Pirão ganhou do marcador, carregou e cruzou. A bola passou por todo mundo, até encontrar o ala direito Fábio Santana, que só teve o trabalho de empurrar para as redes.

Na segunda etapa, o confronto ficou mais dinâmico. Os anfitriões voltaram mais atentos e, aos dez minutos, deixaram tudo igual. Chiquinho levantou e, após confusão na área, Reinaldo Alagoano se esticou para concluir.

O gol animou o Alvinegro. Minutos depois, se não fosse a boa intervenção do arqueiro Andrey após cabeçada do oportunista Reinaldo Alagoano, o ASA consumaria a virada.

Contudo, após ser herói, Andrey foi vilão. Aos 20, o camisa 1 não conseguiu segurar chute de Jorginho e aceitou: 2 a 1 no Estádio Fumeirão. E, já nos acréscimos, ele cometeu o pênalti que foi convertido por Francismar e que selou o triunfo do ASA.

Com o placar adverso, o Criciúma não teve forças para buscar o empate, principalmente após a expulsão de Aloísio aos 24 minutos.

Leia tudo sobre: asa-alcriciúmasérie b 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG