Avaí encerra invencibilidade de 11 jogos do Vitória e volta a sonhar com acesso

Com gols de Ricardo Jesus e Julinho, time catarinense ainda desperdiçou um pênalti e venceu o líder da Série B sem dificuldades

Gazeta |

No estádio da Ressacada, o Avaí contou com a força de sua torcida e erros do adversário para encerrar uma invencibilidade de 11 jogos que o Vitória carregava no Campeonato Brasileiro da Série B . Com gols de Ricardo Jesus e Julinho, o time catarinense ainda desperdiçou um pênalti, batido por Pirão.

O Vitória será campeão da Série B? O Avaí conseguirá o acesso? Deixe seus palpites!

Sem perder desde o início de agosto, quando foi surpreendentemente superado pelo Bragantino em casa, o Vitória perdeu a "gordura" que acumulava. Com o resultado positivo conquistado pelo Criciúma na sexta-feira, a vantagem na liderança é de apenas dois pontos. Já o Avaí avança a 43 pontos e fica separado do G4 por apenas seis pontos, renovando o sonho do acesso sob o comando de Argel.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DA SÉRIE B DO BRASILEIRÃO

O Avaí já tem seu próximo compromisso na terça-feira, quando visita o ASA, em Arapiraca, pela 28ª rodada. O Vitória, por sua vez, terá descanso até o sábado que vem, data em que recebe o ameaçado ABC no Barradão.

O jogo
Se de um lado Argel manteve a lógica dos treinamentos e mandou a campo os mesmos jogadores que testou nos treinos, de outro Carpegiani alterou a equipe de última hora, com Rodrigo Mancha e Dinei entre os titulares.  Motivado pelas instruções de Argel, que gritava na beirada do campo pedindo para que os comandados marcassem a saída de bola do Vitória, o Avaí abriu o placar logo aos 11min. Diogo Acosta roubou a bola de Gilson no campo de ataque e, mesmo sofrendo falta, ficou de pé e partiu com a bola dominada. O tiro forte da entrada da área foi defendido por Deola, que acabou cedendo o rebote. Oportunista, o contestado Ricardo Jesus apareceu e marcou.

Futura Press
O Avaí passou pelo Vitória em Florianópolis e ensaia reação na reta final da Série B

Depois de equilibrar a partida na reta final da primeira etapa, Carpegiani lançou o meia-atacante Marquinhos na vaga do volante Rodrigo Mancha no intervalo, tentando aumentar o ritmo de ataque do Vitória fora de casa. Apesar disso, foi o Avaí que chegou com perigo logo aos 5min, quando Diogo Acosta apareceu na segunda trave para cabecear no meio da área, onde Ricardo Jesus bateu pela linha de fundo. No lance seguinte, Julinho recebeu pelo corredor direito e invadiu a área. O chute foi desviado por Gabriel Paulista, entretanto, a zaga baiana vacilou e o próprio Julinho completou de cabeça, aumentando a festa da torcida na Ressacada: 2 a 0.

Pelo centro e também pelos lados do campo, o Avaí conseguiu segurar o ímpeto do Vitória, que mantinha a posse de bola, mas criava muito pouco no campo de ataque. Uma dessas chances foi de Gilson, que chegou chutando forte pela esquerda e obrigou Moreto a boa defesa, aos 21min. Nos contragolpes, o Avaí chegava com facilidade e teve até pênalti desperdiçado.

Aos 28min, Camilo recebeu passe em velocidade na área e foi derrubado pelo goleiro Deola, que havia acabado de ser driblado. Após o cartão amarelo para o camisa 1, Pirão teve a chance, mas perdeu a cobrança com um chute forte demais, por cima da meta do Vitória, impedindo o Avaí de definir o resultado. Nos contra-ataques, o Avaí se manteve no ataque e viu Deola fazer defesas importantes para segurar a força do ataque catarinense.

A cinco minutos do fim, o time baiano ainda teve a oportunidade de diminuir o placar aos 40 minutos, quando Dinei foi derrubado dentro da área e novo pênalti marcado, desta vez a favor do Vitória. Na cobrança fraca de Elton, Moreto foi ao canto para fazer boa defesa e garantir os três pontos do renovado Avaí.

FICHA TÉCNICA - AVAÍ 2 x 0 VITÓRIA
Campeonato Brasileiro da Série B 2012 - 27ª rodada 
Local : estádio da Ressacada, em Florianópolis-SC
Data : 29 de setembro de 2012, sábado
Horário : 16h (horário de Brasília)
Árbitro : Luiz Flávio de Oliveira
Assistentes : Carlos A. Nogueira Júnior e Daniel Paulo Ziolli
Cartões amarelos : Julinho, Moreto, Bruno Silva (AVA); Gilson, Deola (VIT)

GOLS
Avaí: Ricardo Jesus, aos 11 minutos do primeiro tempo; Julinho, aos 8 minutos do segundo tempo

AVAÍ : Moreto; Arlan, Cássio, Rafael e Julinho (Nenê Bonilha); Pirão, Bruno, Mika (Rodrigo Thiesen) e Camilo; Diogo Acosta e Ricardo Jesus (Evando)  Técnico : Argel Fucks

VITÓRIA : Deola; Carlinhos (Rodrigo), Victor Ramos, Gabriel Paulista e Gilson; Michel, Rodrigo Mancha (Marquinhos), Tartá (Arthur Maia) e Pedro Ken; Dinei e Elton  Técnico : Paulo César Carpegiani

Leia tudo sobre: VitóriaAvaíSérie B 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG