Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google

Com gol no fim, Avaí vira sobre o Grêmio Barueri e amplia invencibilidade

Catarinenses mantêm série invicta e deixam rivais paulistas próximos da lanterna

Gazeta |

Avaí e Grêmio Barueri se enfrentaram no gramado da Ressacada, em Florianópolis, colocando frente a frente dois objetivos semelhantes. Com cinco jogos de invencibilidade, os catarinenses receberam os paulistas esperançosos após vencerem o Goiás na última rodada. Ao final da partida, no entanto, apenas os mandantes puderam comemorar a vitória por 2 a 1. Aos visitantes, restou lamentar mais um revés na competição nacional.

Confira a classificação atualizada da Série B do Campeonato Brasileiro

Assustados pelo gol relâmpago marcado por Henrique Dias após falha do capitão Leandro Silva, os donos da casa demoraram para ter organização em campo, mas com gols no fim de cada tempo de jogo, o Avaí definiu mais uma vitória na competição e ampliou a invencibilidade para seis jogos.

Schwenck anota três gols e lidera goleada do Guarani sobre o CRB na Série B

Na próxima rodada, a última do primeiro turno da Série B do Campeonato Brasileiro, o Avaí terá o clássico diante do Criciúma no interior de Santa Catarina às 21 horas (de Brasília) de terça-feira. No mesmo dia e horário, o Grêmio Barueri receberá o Guaratinguetá em confronto direto na luta contra o rebaixamento.

Ex-santista Alemão marca três vezes e Guaratinguetá bate Ipatinga por 3 a 1

O jogo

Empolgada com a sequência invicta da equipe, a torcida azurra levou um banho de água fria logo aos três minutos. O zagueiro Leandro Silva tentou recuar para o goleiro Diego, mas a bola saiu sem força e sobrou limpa para Henrique Dias invadir a área, tocar entre as pernas do arqueiro e inaugurar o marcador.

Somente aos 30 minutos o time da casa conseguiu assustar os visitantes. Nenê Bonilha avançou pela direita e bateu cruzado. A bola passou por toda a pequena área e ninguém apareceu para completar. Minutos depois, Diogo Acosta arriscou sem ângulo e Wendel afastou o perigo em cima da linha.

Em lance semelhante, Marcelinho quase ampliou a vantagem paulista, mas, aos 47 minutos, a alegria foi catarinense. Arlan fez boa jogada pela direita e cruzou com precisão para Laércio se antecipar à defesa e escorar de cabeça para as redes. Antes do apito final, porém, o Barueri voltou a atacar com perigo e Henrique Dias desperdiçou boa chance.

A segunda etapa começou com uma cobrança de falta de Marcelinho Paraíba. O meia arriscou o chute por cobertura e Diego teve muito trabalho para evitar o gol do time de Barueri. O Avaí passou a pressionar, primeiro com Diogo Acosta, em confusão na área, e depois com Nenê Bonilha, que quase encobriu o goleiro Fernando Leal

Aos 22 minutos, jogada ensaiada em cobrança de falta de Cléber Santana encontrou Felipe Alves sem marcação, mas o atacante, que havia entrado na vaga de Laércio, furou e perdeu grande chance. Minutos mais tarde, Dionísio cometeu falta violenta em Nenê Bonilha e levou o segundo amarelo, sendo expulso da partida.

Com um jogador a mais, o Avaí se lançou ainda mais ao ataque e Felipe Alves perdeu boa oportunidade após tabela envolvente com Cléber Santana. Para ganhar ainda mais poder ofensivo, Hemerson Maria sacou o volante Diogo Orlando para lançar o centroavante Ronaldo Capixaba.

Restando cinco minutos para o final do duelo, a equipe azurra, enfim, desencantou. O volante Pirão, que atuava improvisado na lateral esquerda após substituir Julinho, aproveitou cruzamento da direita e sacramentou a virada sobre o Grêmio Barueri. Antes do apito final, Felipe Alves ainda acertou a trave de Diego, mas nada atrapalhou a festa da torcida avaiana na Ressacada.

Leia tudo sobre: série b 2012avaígrêmio barueri

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG