Ex-campeão mundial já participou de filmes como "Se Berber Não Case" e da série californiana "Entourage"

EFE

Após sucesso de
Getty Images
Após sucesso de "Se Beber Não Case", Mike Tyson quer fazer outros filmes

Após firmar seu nome na história do boxe mundial, o polêmico ex-campeão Mike Tyson afirmou nesta sexta-feira que agora pretende se dedicar exclusivamente às tramas de Hollywood.

Wladimir Klitschko vence norte-americano e mantém cinturão no boxe

"Sou um lutador, mas agora estou atuando e é algo que gosto muito. A atuação é como o boxe: estar diante de uma câmara é como estar diante de um rival", declarou o ex-campeão dos pesos pesados durante uma entrevista coletiva na Cidade do México.

Veja também:  Michael Oliveira confirma revanche contra Popó no Ibirapuera

Tyson, que, segundo a imprensa esportiva americana, ganhou mais de US$ 300 milhões em sua carreira e que anunciou sua falência em 2003, visitou a capital mexicana para promover uma campanha de promoção turística chamada 'Batalha de destinos III'.

Confira ainda:  OMB reacende polêmica e dá vitória a Pacquiao diante de Bradley Jr

"Hoje quem paga minhas contas são os filmes e os palcos de Hollywood", completou. No próximo dia 31 de julho, por exemplo, Tyson estreará na Broadway o espetáculo 'Myke Tyson: uma verdade indiscutível', que conta direção assinada pelo cineasta Spike Lee.

Anteriormente, Tyson também participou da comédia "Se Berber Não Case", entre 2009 e 2011, e da série "Entourage" (2010), onde interpretou ele mesmo. 'Iron Mike', como é reconhecido, foi duas vezes campeão do mundo dos pesos pesados e disputou 58 lutas como profissional, alcançando 50 vitórias e 44 knockout.

"Desde muito pequeno eu sou fã dos lutadores mexicanos, de Rubén 'Puas' Olivares e outros. Meu treinador costumava me mostrar os filmes das lutas destes grandes pugilistas mexicanos para me inspirar", finalizou o ex-campeão ao falar sobre o que conhecia do México.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.