Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Chile vence Venezuela e assume liderança nas Eliminatórias

Matías Fernandez e Charles Aránguiz balançam as redes venezuelanas nos minutos finais e garantem vitória chilena

Gazeta |

O Chile viajou até Puerto La Cruz para enfrentar a Venezuela neste sábado e garantiu os três pontos na sexta rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa de 2014 graças a Matías Fernández. e Charles Aránguiz. Os jogadores foram os responsáveis por balançar as redes adversárias nos minutos finais da partida e garantir o triunfo chileno pelo placar de 2 a 0.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

AP
Matias Fernandez é cumprimentado por Vidal após marcar gol chileno


Ligeiramente melhor em campo, o Chile era quem tomava a iniciativa no confronto e buscava o gol com mais qualidade. A equipe tentava explorar o esquema defensivo dos donos da casa para chegar com qualidade ao ataque, mas as finalizações da Roja dificilmente encontravam o gol defendido pelo arqueiro Renny Vega.

Leia também: Freguês de Messi, Neymar é ofuscado pelo melhor jogador do mundo

As ameaças chilenas foram intensificadas no segundo tempo. O time chegou a ameaçar com Matías Fernández e Marcelo Dias, mas os arremates não encontraram as redes venezuelanas. Já aos 33 minutos, Fernández assustou a torcida local com um chute de primeira na trave de Vega.

A boa atuação nos momentos decisivos do confronto embalou a seleção chilena e culminou nos dois gols que decretaram a vitória do time comandado por Claudio Borghi. Aos 41 minutos de jogo, Matías Fernández marcou um golaço com um chute cruzado, sem chances de defesa. Quatro minutos depois, Charle Aránguiz apareceu livre de marcação e aproveitou passe de Sebastián Pinto para sacramentar a vitória da Roja neste sábado. 

Com os três pontos somados com a vitória, o Chile chega aos 12 nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014 e assume provisoriamente a liderança. O time toma o lugar ocupado pela Argentina. Já a Venezuela fica estagnada nos oito pontos e poderá deixar a zona que garante classificação direta ao Mundial caso seus concorrentes diretos vençam suas partidas neste domingo. 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG